Post #03 – Diário R LAB no N Design 2012 – Dia 2

Neste segundo dia de evento, as atividades de conteúdo tiveram início. Palestras, “dedos de prosa”, oficinas, workshops e bazar: todos ao mesmo tempo, oferecendo uma ampla quantidade de atividades para os encontristas. Nós, do R LAB, selecionamos algumas que abordam temas bastante importantes e muito discutidos entre os designers, em formação ou já recém-formados.

Assistimos à palestra Sampler Design com Christian Ullmann: Re-criação a partir de conteúdos existentes ou cultura contemporânea compartilhada. Christian apresentou um novo modelo criativo na atividade do designer: o ‘samplear’. A expressão, vinda originalmente da música sugere utilizar, modificar e re-criar com base em conteúdo já existente.
Ilustrou a relações entre criação, referência e autoria com a produção de móveis feitos de madeira de pallets em diversas regiões do Brasil e do mundo.
Também colocou questões sobre direitos e autoria, propriedade intelectual, creative commons e copyleft, facilitados pela internet, software livre e open source. A atividade continua no dia 17/07 no formato de workshop.

Entre as oficinas, acompanhamos a “Empreendedorismo: O jeito dos designers no século XXI na empresa 2.0”, de André Oliveira.

De forma objetiva, o oficineiro apresenta as possibilidades de atuação dentro de nossa profissão para detalhar o papel de um empreendedor. André realizou uma atividade com os participantes, simulando um projeto dentro de uma empresa fictícia. Desta forma, os encontristas conseguiram identificar oportunidades que poderiam ser transformadas em negócios criativos.

Em uma atividade denominada “dedo-de-prosa”, que funciona como uma mesa-redonda, aconteceu o encontro da ADG que contou com a presença de Bruno Porto, Bruno Lemgruber e Eduardo Braga, mediados por Henrique Nardi.
Os convidados destacaram a importância dos encontros de estudantes para a vida profissional do designer, como ótima oportunidade de conhecer outras realidades do país e aumentar a rede de contatos pessoal e profissional. Foram apresentados dados do Censo da ADG, um levantamento sobre a profissão no país. A pesquisa, que encontra-se em andamento, irá se encerrar no final de julho. O questionário pode ser acessado aqui: http://adg.org.br/censo/

Além de acompanhar as atividades, nós também ministramos oficinas para contribuir com a construção do evento.

Hoje, os primeiros do nosso grupo a ministrar uma atividade foram Julian Boledi e Babi Sonnewend, com a oficina “ERRE Design – Questionamentos estéticos”.

Com o objetivo de pensar no processo de criação e eliminar preconceitos estéticos, os oficineiros apresentam um panorama de referências históricas de quebra de paradigmas, que situou o participante quanto aos motivos que fizeram os designers optarem por novos caminhos de criação. Foram apresentadas referências de erros no design, intencionais ou não, para que todos pudessem discutir sobre os valores dentro do design.

Além de participarmos de todas as atividades acima, também trouxemos produtos do R LAB para vender no nosso bazar: bottons com nossa identidade visual e mensagens relacionadas ao dia-a-dia do paulistano, camisetas e bebidas típicas. Esta “feirinha livre” nos proporcionou um contato maior com os encontristas do Brasil inteiro, onde pudemos conversar sobre nossas atividades dentro do N e objetivos do R LAB.

Gostaram da nossa seleção de atividades? Amanhã voltamos com mais relatos. Caso queira sugerir alguma temática de atividade que não abordamos aqui, comente!

Sobre Associação dos Designers de Produto

A Associação de Designers de Produto - ADP é uma sociedade civil sem fins lucrativos, de caráter cultural e de âmbito nacional, que tem o objetivo de aproximar os profissionais, estudantes, instituições e empresas atuantes na área, com a finalidade de desenvolver, promover, divulgar, regulamentar e apoiar a atividade do design no Brasil. Fundada no dia 5 de novembro de 2002 - Dia do Design, a aDP tem o desafio de representar os designers de produto junto à sociedade e instituições para promover o design brasileiro. A ADP promove discussões, seminários, workshops, exposições, palestras, concursos e cursos complementares além de editar publicações impressas e eletrônicas para atualizar e informar o profissional de design e a sociedade.
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s